29 Nov 2020
Análises

Análise – Noitu Love: Devolution

Retrogaming está vivo e de boa saúde.

Estamos em pleno 2016 e sabemos que hoje em dia, tanto sai um jogo com gráficos abismais em realidade virtual como sai outro que parece tirado da biblioteca da Super Nintendo. E isso é óptimo!

Noitu Love: Devolution é um jogo de acção e plataformas, sendo um mash-up entre Rocket Knight Adventure e Dynamite Headdy só que muito mais frenético, o que o torna único numa altura em que tudo já foi feito.

noitu-love-devolution-9

Este jogo nasceu das mãos do artista independente Konjak e começou no PC em Noitu Love. Depois de receber a sequela Noitu Love 2 Devolution, recebeu um port para Wii U e 3DS com algumas melhorias face ao original.

Noitu Love: Devolution desenrola-se em 2288 numa cidade protegida por uma organizão denominada de The Peacekeepers League. Um dia, um exército de robôs liderado pelo professor Darnacus Damnation decide atacá-la e tomar posse da mesma. Cabe a Xoda Rap, a protagonista, e seus companheiros tentar manter a paz a todo o custo. A narrativa é trivial mas é o suficiente para que nos faça desatar à pancada a tudo o que se mexe no ecrã. E acreditem que quase nem vão ter tempo para pestanejar, pois os inimigos vêm às centenas e é acção non-stop.

noitu-love-devolution-8

O jogo é todo ao estilo arcade e sem dúvida que daria um belo cabinet se ainda existissem salões de jogos decentes hoje em dia, mas como dias não são dias, hoje temos a possibilidade de carregar esse salão de jogos no bolso, e é por aí que vou começar. Os controlos deste jogo no PC e na Wii U fazem todo o sentido, mas na 3DS demora a adaptar-nos ao uso do touch screen como botão de ataque. É irónico que um jogo feito a pensar no passado, faça recurso de uma tecla tão actual e moderna. Não sei se estou apenas a querer implicar com isto, mas sempre fui muito adepto dos controlos mais tradicionais. No entanto, ao fim de alguns níveis, lá acabamos por nos habituar.

noitu-love-devolution-7

Toda a acção de jogo é imparável, e pelo meio de hordas de robôs, balas e explosões temos alguns mini-puzzles que só servem para nos deixar para trás e comer chumbo. O nosso personagem é totalmente melee, o que não faz muita diferença, porque é tão ágil que muitas das vezes os inimigos não têm tempo de disparar e já estão a comer com um pé na boca. Durante os vários níveis teremos sequências on-rails que são necessárias a alguns bosses, mas que por vezes quebram o ritmo de jogo. No entanto, aproveitem estas partes para respirar um pouco, porque mais tiros e explosões vos aguardam.

noitu-love-devolution-2

Os níveis estão soberbos, com o tamanho certo, e com temáticas alusivas a clássicos da era de ouro dos videojogos. Como exemplo, temos um nível de água que lembra Super Marios Bros, uma torre sombria que remete a Castlevania e até um nível no Japão feudal que vai buscar inspiração a Mystical Ninja. Cada um dos 7 níveis do jogo é único não só no seu aspecto mas também no que nele se esconde, e no meio de explosões e inimigos, por vezes deparamo-nos com mini-bosses a meio que nos vão dar problemas.

noitu-love-devolution-6

Podemos escolher 3 dificuldades diferentes, mas em todas elas temos de ter atenção e manejar bem o personagem, porque os inimigos não nos vão dar tréguas. Apesar de já tudo ter sido feito, os inimigos relembram os soldados débeis de Metal Slug mas com muito mais carisma e identidade. Já os bosses, nota-se que aqui foi dada uma atenção um pouco maior. São quase todos originais não só no seu conceito como nos padrões para os derrotar.

noitu-love-devolution-5

No final do jogo, terão uma surpresa bem agradável. Mais agradável para quem jogou a primeira versão desta sequela, mas se falasse dela estaria a fazer um spoiler enorme, portanto, prefiro que descubram por vocês mesmos. Só vos posso revelar que ajuda muito ao replay value.

noitu-love-devolution-4

Para além de todos estes pontos positivos, aliado a tudo isso está uma banda sonora bem ao estilo retro que complementa cada etapa na perfeição. A pixel art está muito acima do que se podia esperar, com sprites bem definidos e animados, com um nível de detalhe fantástico. Nota-se que Konjak deu tudo de si para nos proporcionar uma experiência revivalista ao mais alto nível. Um luxo de jogo.

noitu-love-devolution-3

Se quiserem ficar a conhecer os restantes trabalhos de Konjak, cliquem aqui:

http://www.konjak.org/

 

Related posts