15 Ago 2018
Indústria

PlayStation procura talento nas instituições de ensino superior portuguesas

A PlayStation anunciou o arranque do programa PlayStation First.

A iniciativa lançada pela PlayStation chega agora ao universo académico português e procura fomentar a formação na área dos videojogos, oferecendo aos jovens a oportunidade de criar conteúdos para as plataformas da PlayStation.

O PlayStation First, tal como a iniciativa Prémios PlayStation, é uma das áreas do programa PlayStation Talents, que têm o objetivo de apoiar o desenvolvimento de videojogos, através de incentivos à formação, desde o ensino secundário ao universitário, e à apresentação de novos projetos ou através de parcerias com outras entidades da indústria dos videojogos.

Com a implementação do PlayStation First, os estudantes do Instituto Politécnico de Leiria e da ETIC têm acesso às ferramentas oficiais de desenvolvimento de conteúdos para a PS4. Contam também com a supervisão de profissionais da Sony Interactive Entertainment em várias áreas fundamentais como artes gráficas, desenvolvimento, marketing e negócio.

O programa PlayStation First chegou à Licenciatura em Jogos Digitais e Multimédia do Instituto Politécnico de Leiria no ano letivo 2015/2016. Segundo o Nuno Fonseca, coordenador da licenciatura, “é fundamental formar profissionais de jogos para terem várias valências. Queremos que um aluno aprenda a criar jogos desde o mobile às consolas”.

Inserida na unidade curricular de Projeto, do 2º e 3º anos do curso, a iniciativa da PlayStation vem colmatar uma lacuna no ensino dos videojogos. “Neste momento, o PlayStation First é o único programa ativo para o desenvolvimento de jogos para consolas. Não sabemos como vai ser a realidade das consolas daqui a uns anos, por isso para nós é muito importante apostar na formação de profissionais nesta área”.

Na ETIC, o programa vai arrancar, este ano letivo, para alunos do 2º ano do curso Higher National Diploma de Animação e Videojogos. Segundo o coordenador do curso, Ivan Barroso, “faltava um ecossistema de consolas em Portugal, cuja formação fosse aprovada oficialmente por uma grande marca. E temos essa procura no mercado. Há empresas nacionais a quererem contratar pessoas conhecedoras dos vários parâmetros de qualidade neste tipo de produções”.

“Queremos que os nossos alunos tenham formação em consolas, com vista a participarem também nas edições dos Prémios PlayStation®”, explica Ivan. Os alunos do curso da ETIC têm a oportunidade de fazer o 3º ano para universidades no Reino Unido, onde o programa PlayStation®First está igualmente implementado, para terminar a sua formação.

O PlayStation First já funciona noutros países como o Reino Unido, Índia ou Austrália, e começa agora a dar os primeiros passos em Portugal.

O programa PlayStation Talents conta com cinco áreas de atuação distintas:

  • PlayStation Futuros Talentos: uma iniciativa que tem como objetivo desenvolver o talento de jovens do ensino secundário através da criação de ideias para criar um videojogo.
  • PlayStation First: um programa de apoio a instituições de ensino superior no desenvolvimento de videojogos, que já funciona noutros países como o Reino Unido, Índia ou Austrália. Este programa fomenta a formação universitária na área dos videojogos, oferecendo aos jovens oportunidades para criar conteúdos para as plataformas próprias da PlayStation®.
  • Prémios PlayStation: esta iniciativa promove o desenvolvimento de videojogos de estúdios nacionais e arrancou em Portugal em novembro de 2015. Neste momento, o projeto vencedor da 1ª edição, Strikers Edge, que já está a ser desenvolvido para a PS4.
  • Games Camp: na Factoría Cultural do Matadero de Madrid, numa incubadora de indústrias criativas, estão integradas cinco equipas às quais foram fornecidos kits de desenvolvimento para a PS4, apoio técnico e legal e uma campanha de comunicação e marketing em meios próprios para apoiar o lançamento de cada jogo. O objetivo é publicar anualmente cinco títulos para a PS4®.
  • PlayStation Alianças: nesta área a PlayStation trabalha com estúdios de diferentes perfis e dimensões de forma a desenvolver jogos para a PS4.

Também te pode interessar